top of page

Manutenção de Prótese Protocolo (prótese total sobre implantes)

As pessoas não perguntam muito isso na primeira consulta. E se o Dentista não fala....Depois de um tempo de uso, começam os problemas...


Com isso, não é raro, receber no consultório, pessoas que usam a prótese protocolo, com sérios problemas na prótese protocolo por falta de higiene correta. Mas antes de falar da manutenção de prótese, você sabe o que é a prótese protocolo não?

Eu explico.

É uma prótese total fixada somente por implantes. E é completa, isto é, para todos os dentes. Veja na imagem abaixo:

Prótese protocolo

Vemos aqui a prótese protocolo prestes a ser instalada em boca. Os anéis metálicos que você vê na parte superior da prótese são aparafusados sobre uma plataforma chamada pilar protético. Este, por sua vez é preso diretamente sobre o implante. E o parafuso que une o anel ao pilar protético são estes que você também pode ver na imagem. No caso acima, são 6 micro-parafusos, os quais são inseridos dentro dos cilindros da prótese para fixá-la ao mini-pilar.



Abaixo veja como é o mini-pilar numa imagem bem ampliada:


mini-pilar cônico para prótese protocolo

Esse componente protético é responsável pela união da prótese protocolo ao implante. Antigamente, as próteses protocolos eram feitas sem esse "intermediário" e com isso surgiram vários problemas, abreviando bastante a vida útil do implante e da prótese.






Por isso verifique, com seu implantodontista se ele incluiu no planejamento, os mini-pilares. Isso impacta diretamente sobre o valor do trabalho, pois esses componentes são onerosos, mas são fundamentais se você quer longevidade para o seu tratamento.

E como ele fica preso ao implante? Veja abaixo:

gengiva com mini-pilares

A estrutura da prótese protocolo fica firmemente assentada sobre o mini-pilar. São vários colocados lado a lado, conforme o número de implantes inseridos no osso maxilar.



E entre a prótese e a gengiva natural pode ficar um pequeno espaço que pode ser usado para higienizar a prótese.


Como vemos na imagem abaixo:


espaço para higiene da protocolo

Por vezes o espaço para higiene pode ficar apertado à pedido do paciente, pois as pessoas costumam pedir o seu fechamento para não ficar com a sensação que irá aparecer no sorriso forçado.






Mas na prática clínica diária temos insistido para preservar o espaço, a fim de facilitar a passagem do jato de água do higienizador portátil e também do fio dental.



A maneira como temos encontrado para deixar as pessoas tranquilas quanto à estética da prótese para que nunca apareça o espaço para higiene e trabalhar com tomadas fotográficas.

Várias fotografias são feitas em estúdio fotográfico montado no consultório em várias posições de sorriso e em vários ângulos. Esses fotos são enviadas ao laboratório para que o técnico possa ter uma noção da posição de lábio a fim de posicionar corretamente a gengiva artificial e esconder o espaço de higiene.


"E ENTÃO DOUTOR, COMO É QUE FICA A LIMPEZA DA PRÓTESE?"


Na nossa última consulta, que é a entrega do trabalho concluído, temos muitos momentos de alegria e descontração. Fazemos também muitas fotos de encerramento e apresentamos as fotos do início do tratamento. Não é incomum ver as pessoas com lágrimas nos olhos de ver como era e como ficou. O SEMBLANTE SIMPLESMENTE MUDA. E nesse dia falamos também dos cuidados com a higiene. Damos uma aula sobre isso e ensinamos a ,o fio dental com passa fio ou um fio dental especial chamado comercialmente de "superfloss", veja abaixo:


assista o vídeo



Não fazemos propaganda da marca, mas como temos facilidade de acesso a todos, não vejo problemas em recomendar o uso, já que o benefício é imenso.




A forma de usar está muito bem explicada em um vídeo e para assistir clique na imagem ao lado ou abaixo

superfloss em baixo da protocolo


Temos ainda uma outra forma de higienização que temos incentivado. Acontece em muitos casos uma certa dificuldade em usar o fio dental em baixo da prótese, então há ainda uma outra forma e é com o auxílio de um aparelho portátil de jato de água. É um higienizador que funciona com água. Existem alguns fabricantes no mercado, porém eu poderia recomendar 2 deles, os quais podem ser encontrados mais facilmente no mercado brasileiro.



São eles:

  • Waterpick

  • Oral Jet

  • JETPIK

water pik

Tais aparelhos, cumprem bem a função de higienizar a superfície da gengiva sob a prótese em função do jato de água que é lançado com relativa força.


OUTRA COISA MUITO IMPORTANTE:

É NECESSÁRIO A MANUTENÇÃO DA PRÓTESE COM SEU ESPECIALISTA NO MÍNIMO A CADA 6 MESES.

O que é a manutenção da protocolo?

Na consulta de manutenção, o profissional irá remover a prótese, fazer a higiene da mesma, fora da boca, com brocas, curetas e discos de limpeza especiais. Fará também o polimento da prótese, trazendo a lisura necessária para que diminua a formação de placa bacteriana sobre a superfície da prótese.

Fará também a limpeza e lubrificação dos parafusos protéticos. Não é surpresa haverem parafusos fraturados, pois não é possível perceber se for um parafuso apenas fraturado. Nesse caso é realizado a remoção do fragmento e troca imediata do parafuso.


Na boca é feita a profilaxia da gengiva e componentes de prótese bem como a sondagem nos mini-pilares para verificação da estabilidade dos mesmos. Inflamações gengivais podem estar presentes e com a profilaxia, haverá melhora e a saúde voltará.


Esse cuidado é fundamental e precisa ser ajustado para cada paciente, conforme a condição de motricidade para realizar a limpeza da prótese conforme descrito nesse post.


Caso você queira conhecer mais a fundo, tudo sobre esse tratamento, tenho um material em vídeo pra você assistir


Veja aqui



Em destaque
Mais recentes
bottom of page